Noticias

Noticias

‘Medo que julho tenha uma tragédia pior que março’, diz Rui sobre pandemia


 

Foto: Reprodução

O governador Rui Costa demonstrou preocupação com a situação da Bahia no próximo mês, por conta do cenário atual e pensando no período pós-São João. “Estamos com medo que o começo de julho tenha uma tragédia pior do que o mês de março”, afirmou Rui, que participou nesta quinta-feira (10) de uma inauguração de policlínica em Eunápolis, no sul da Bahia. 

A situação agora também exige cautela, diz. “Estamos muito preocupados agora. Chegamos em março a 20 mil contaminados, e o que aconteceu em março? Uma tragédia”, afirma. “Qual a diferença do mês de fevereiro e março para agora? Tínhamos leitos vazios na Bahia inteira, e nós tínhamos capacidade para absorver a multidão que chegou aos hospitais”, considerou.

Thank you for watching

Agora, há menos leitos vazios. “Se as festas de São João provocarem uma avalanche de pessoas nos hospitais, só temos 15% de leitos disponíveis”, acrescenta. “Se não conseguirmos regular em até 24h, está comprovado que a taxa de mortalidade aumenta”.

Rui disse que se isso vai acontecer ou não, “depende do comportamento das pessoas” durante o período junino. “Já vimos que até pequenas aglomerações como no Dia das Mães afeta nos índices”, explicou. 

Por isso, ele pediu à população que colabore evitando aglomerações. Também criticou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pelo ritmo de vacinação no país. “Quero pedir ajuda de vocês porque ninguém faz nada sozinho. Precisamos da ajuda e consciência da população. Se dependesse de nós, o povo já estaria vacinado, mas não estamos porque o presidente não comprou vacina e nós temos que superar esse momento agora”. 

Fonte: Correio24Horas

Tecnologia do Blogger.