Noticias

Noticias

Homem mata esposa palmeirense ao se irritar com comemoração em Libertadores

 

Foto: Arquivo pessoal

Após festejar a vitória do seu time na Copa Libertadores da América, uma mulher palmeirense foi morta a facadas pelo próprio marido corinthiano, que se irritou com a comemoração. O crime ocorreu na madrugada de domingo (31), em São Domingos, região Oeste de São Paulo, mas só chegou a público na segunda-feira (1º). As informações são do jornal Extra.

Segundo a Polícia Civil, o suspeito admitiu que a briga ocorreu por causa de futebol. A comemoração da vítima, Érica Fernandes Ceschini, irritou o marido e o casal iniciou uma briga. O acusado alegou ter sido agredido pela esposa primeiro e que, em revide, golpeou a mulher com uma faca.

Policiais Militares foram acionados e, no local, encontraram Érica caída no chão da cozinha. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas quando chegaram à residência, ela já estava morta. A perícia da Polícia Civil foi realizada e o caso foi registrado no 33º DP (Pirituba).

O suspeito foi socorrido para o Hospital do Mandaqui com lesões no abdômen. Ele permaneceu internado sob escolta policial, tendo sido autuado por homicídio qualificado. O casal possui filhos gêmeos.

Fonte: Varela Notícias

Tecnologia do Blogger.