Noticias

Noticias

Taxa de cura da Covid-19 é 50% maior em hospitais particulares

Foto : Paula Fróes/GOVBA
Pacientes com Covid-19 que estão internados em hospitais privados têm taxa de cura 50% maior do que aqueles que são tratados em instituições públicas, segundo dados divulgados hoje (24) pela Folha de S. Paulo. Em média, 51% dos doentes hospitalizados em unidades privadas sobrevivem, ante 34% nos hospitais públicos.
Os índices de cura nas unidades públicas são menores em estados do Norte e Nordeste. A média é 45% em Pernambuco e 53% no Pará, ante 60% em São Paulo e 79% no Rio Grande do Sul.
Os dados também apresentam mudanças ao longo do tempo: quando os hospitais estão lotados e as UTIs do SUS têm grande ocupação, há um maior percentual de mortes.  É o que se observa, por exemplo, no Amazonas, primeiro estado a ter o sistema de saúde em colapso, em meados de abril.
Em junho, com maior disponibilidade de leitos de UTI e profissionais de saúde mais experientes, a rede pública aumentou a taxa de cura e a desigualdade foi reduzida em boa parte dos estados.
Os dados são de um levantamento feito pela Folha com base no Sistema de Vigilância Epidemiológica do Ministério da Saúde e consideram os pacientes com casos graves de Covid-19 que foram internados até o dia 20 de junho. Foram analisados os casos de 66.450 pacientes de hospitais públicos e 57.883 de hospitais privados.
Fonte: Metro1
Tecnologia do Blogger.