Noticias

Noticias

Passa de dois mil o número de pessoas curadas do novo coronavírus na Bahia

Divulgação
Bahia registrou até este domingo (17) a recuperação de 2.199 pessoas do novo coronavírus (Covid-19). Os dados são da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab). Segundo a pasta, ao todo são 8.443 confirmações da doença em 205 municípios baianos. Até o momento, 23.511 casos foram descartados e 5.949 pessoas permanecem monitoradas pela vigilância epidemiológica e com sintomas da Covid-19, o que são chamados de casos ativos.
No último sábado (16), a primeira paciente de 68 anos [foto], internada no Hospital de Campanha do Wet’n Wild, na Avenida Paralela, em Salvador, com coronavírus, recebeu alta médica após ser curada da doenã. “Uma notícia pra encher o coração de esperança: Dona Maria da Glória foi a primeira paciente internada e também a primeira a receber alta do Hospital de Campanha do Wet‘n Wild”, escreveu o prefeito ACM Neto no Intagram.
No Brasil, foram registradas 99.192 pessoas curadas do coronavírus, segundo dados do Ministério da Saúde divulgados nesta quinta. A taxa nacional de recuperação da doença encontra-se em 39%. Conforme levantamento diário feito pela pasta, o Brasil tem 241.080 casos confirmados da Covid-19.
A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera, no caso dos doentes confirmados por critério laboratorial, que estão recuperados aqueles que tiveram dois resultados negativos para SARS-CoV-2 com pelo menos um dia de intervalo. Já nos casos leves de covid-19, a OMS estima que o tempo entre o início da infecção e a recuperação dure até 14 dias.  
O Ministério da Saúde informa que, no caso do Brasil, o número de recuperados considera os dois critérios da OMS. De um lado, entram na conta pacientes com infecções mais graves que foram internados e passam por novos testes para identificar se o vírus continua ativo no organismo. Do outro, estão os pacientes com casos leves, que entram na conta de recuperados quando não apresentam mais os sintomas após 14 dias do início da infecção.
No mundo, mais de 1,5 milhão de pessoas em todo o mundo já podem ser consideradas recuperadas da doença que se espalhou por mais de 180 países. 
Fonte: BNews
Tecnologia do Blogger.