Noticias

Noticias

Governador vem a Itaberaba autorizar início da obra da Policlínica


No mês em que completa 143 anos de emancipação político-administrativa, o povo de Itaberaba ganha mais um grande presente. Desta vez, a novidade fica por conta do início da obra da Policlínica Regional de Saúde da Chapada que começa a ser construída ainda este mês. A Ordem de Serviço vai ser assinada, no próximo dia 27 (sexta-feira), pelo governador Rui Costa e pelo prefeito Ricardo Mascarenhas, que também preside o Consórcio Interfederativo de Saúde Chapada Unida — composto por 21 municípios que fazem parte dos territórios de identidade da Chapada Diamantina e do Piemonte do Paraguaçu.


O anuncio foi feito pelo prefeito Ricardo Mascarenhas, na manhã da última quarta-feira (11), durante entrevistas concedidas às rádios Diamantina FM e Rosário FM. “Ainda neste mês de março, nós vamos iniciar as obras da Policlínica Regional de Saúde que vai ser construída na área do antigo DERBA, onde hoje funciona o Comando de Policiamento da Chapada, a CPR-Chapada/Rondesp, que vão ser transferidos para o prédio da antiga Escola João XXIII, na Avenida Rio Branco. A empresa responsável pela obra da Policlínica já está em Itaberaba”, disse o prefeito.
Segundo o gestor, muito em breve todo o espaço, de cerca de 12 mil metros quadrados, vai começar a ser preparado para o início da obra. “Dentro de 10 dias, nós vamos remover toda a estrutura existente com máquinas e caçambas e levantar a placa com as informações da obra, como valor e prazo de conclusão. No dia 27, o governador Rui Costa vem a nossa cidade para, juntos, assinarmos a Ordem de Serviço e lançarmos a Pedra Fundamental da Policlínica Regional de Saúde da Chapada Diamantina”, completou Ricardo Mascarenhas.
As Policlínicas visam prestar serviços de média complexidade na rede de saúde da região, ampliando o acesso ambulatorial à especialidades médicas diversas e exames em busca de uma maior atenção à saúde do paciente. Neste sentido, o projeto visa garantir a oferta dos exames complementares e consultas especializadas para todas as 21 cidades da Chapada Diamantina e Piemonte do Paraguaçu que fazem parte do Consórcio de Saúde, fornecendo resolutividade à Atenção Básica e evitando que os pacientes precisem ir para os hospitais com casos que podem e devem ser solucionados na atenção primária e secundária.
Fonte: Chapada Notícias
Tecnologia do Blogger.