Entretenimento

Entretenimento

Covid-19: o que é comprovado e eficaz para proteção e que já se sabe que não ajuda na luta contra o vírus

Confira as dicas.

Foto: Fernanda Frazão / Agência Brasil



 Após dois anos e meio de pandemia, a ciência evoluiu no conhecimento do SARS-CoV-2, o vírus da Covid-19. Alguns conceitos foram derrubados, como a possibilidade de transmissão por objetos e superfícies.

Outras certezas se consolidaram, como a importância do uso de máscaras, o fato de transmissão ocorrer prioritariamente pelo ar e o protagonismo das vacinas no bloqueio de mortes e casos de Covid.

Comprovado e efetivo️: 
- A transmissão ocorre pelo ar. As partículas (aerossóis) são expelidas quando falamos, espirramos, tossimos ou respiramos.
- A máscara PFF2 (ou N95) é a mais eficiente e capaz de evitar contaminação. A máscara cirúrgica vem em segundo lugar. O segredo, no entanto, é saber USAR a máscara de forma correta.
- As vacinas são a maior proteção contra a Covid. Elas não evitam o risco de infecção, mas mantêm uma proteção muito importante contra doença grave, internações e mortes.
- Já existem remédios que ajudam no tratamento pós-infecção para impedir o agravamento de casos.

Condutas que podem ser deixadas de lado:
x Não há necessidade de limpar objetos e compras. O risco de transmissão por superfícies é quase zero. As gotículas são menos importantes do que os aerossóis.
x Máscaras caseiras ou de pano devem ser aposentadas. Mesmo quando ela é nova, já tem uma capacidade menor de proteção.
x Cloroquina e ivermectina não funcionam. Sociedades médicas, OMS e outras organizações são contra a prescrição dos medicamentos.
x Termômetro para medir temperatura e usar luva para se servir no restaurante não evitam ou ajudam na prevenção da Covid.


Fonte: Metro1

Nenhum comentário

Postar um comentário

Don't Miss
© OBRIGADO PELA SUA VISITA!! VOLTE SEMPRE!!
Designer: Silvoney Santos